Cuide dos dentes do seu gato

93750
1
Share:

Nos gatos a higiene oral funciona exactamente como a das pessoas. É necessário um cuidado diário, e uma verificação geral, levada a cabo pelo veterinário, duas vezes por ano. Nas próximas linhas explicamos-lhe como deixar os dentes do seu animal brancos e limpinhos! É que numa fase avançada da vida 85% dos felinos tendem a ter problemas dentários, por isso, mais vale prevenir…

Um gato bonito, é também um gato com os dentes bem limpinhos. À semelhança do que acontece com os seres humanos, os gatos têm dois conjuntos de dentes. Os primeiros são os dentes de leite e começam a surgir quando o nosso companheiro tem cerca de quatro semanas de idade. Vão aparecendo progressivamente até serem 26, o que sucede, perto das seis semanas. Este dentes não são permanentes e começam a cair a partir das 11 semanas e até por volta das 30.

Esta fase é muito semelhante à dos humanos e por esse motivo o seu gatinho pode ficar com as gengivas a sangrar e um pouco ‘refilão’ devido às dores. Enquanto os dentes de leite vão caindo, os dentes definitivos vão aparecendo, cerca de 30 e estarão todos na boca do seu animal até ele chegar aos 8 ou 9 meses de idade. É importante levar o seu animal ao veterinário, nesta altura, para se certificar que todos eles nasceram correctamente. É que por vezes sucede que um ou dois dentes de leite, simplesmente não caiem, ou então surgem dentinhos extra, o que pode conduzir a problemas nas gengivas e também dores ao seu animal.

Assim como acontece nas pessoas, também no gato a higiene oral é importante. O mau hálito, por exemplo, é geralmente um sinal de problemas nos dentes e nas gengivas e é umas das principais razões pela qual os donos levam os seus gatos às consultas. Os dentes do seu animal devem ser inspeccionados pelo veterinário duas vezes por ano e escovados diariamente.

Apesar dos gatos não serem propriamente muito amigos deste processo de escovagem, para tornar tudo mais fácil deverá começá-lo entre os três e os seis meses de idade. Isto pelo facto de quanto mais novo for o seu animal, mais facilmente se irá habituar aos procedimentos.

Um bom ponto de partida para dar início a esta operação, é usar uma escova de dentes para crianças, uma escova de dedo, ou até mesmo uma escova de dentes para gatos, disponível na grande maioria das lojas de animais. A pasta de dentes também deverá ser indicada para animais. Nunca use a pasta dentífrica para humanos, porque não é boa para gatos.

Escove muito lentamente e muito devagar apenas um ou dois dentes e posteriormente dê uma recompensa ao seu gato, por ele se ter portado tão bem. Um boa recompensa, é por exemplo, uma comidinha de que ele tanto goste. Isto no dia um. No dia dois, faça exactamente o mesmo, mas desta vez prolongue o tempo de escovagem. Por exemplo, ao invés de apenas dois dentes, esfregue quatro. Mais uma vez importa salientar que ela deverá ser feita lentamente e devagar. Se o seu gatinho se portou bem, então dê-lhe novamente uma recompensa como fez no dia anterior. Se pelo contrário, se portou muito mal, não lhe dê recompensa alguma. Um dos aspectos que deverá ter em conta é que o objectivo principal do sistema de recompensas é ir conseguindo aumentar gradualmente o tempo de escovagem antes do seu gato querer fugir, por isso terá que gerir bem este processo. Se tudo correr bem, ao fim de duas semanas, conseguirá escovar todos os dentes do seu gato, diariamente.

Share:

1 comentário

  1. Jaqueline 20 Setembro, 2017 at 21:37 Reply

    O gato de uma vizinha está como o da foto reproduzida, com as presas grandes. Ele não fecha a boca e baba sem parar, tendo dificuldade para engolir a saliva.
    Pode-me dizer se é possível a reversão do quadro?
    Tenho muita dó de vê-lo assim

Deixe uma resposta