A Chegada a Casa

44700
0
Share:

Se adoptou um destes companheiros de quatro patas então saiba que existem algumas regras que poderão tornar a adaptação deste novo membro ao seu novo ambiente, mais fácil.

Um aspecto muito importante é deixar que o cão explore calmamente a casa, ou seja, todo o ambiente que o rodeia, sem qualquer tipo de interacção da sua parte. Tente evitar que os restantes membros da família andem demasiado em cima do cão durante o primeiro dia, e deixe que ao invés disso, seja o seu companheiro a fazer as apresentações. É que desta forma ele irá rapidamente criar confiança com os seus donos e sentir-se à vontade no ambiente que o rodeia. É que qualquer mudança de ambiente causa ‘stress’ ao seu animal e como tal será necessário alguma paciência da sua parte.

Se por algum motivo sentir por parte do seu cão medo a aproximar-se dos restantes habitantes da casa, uns brinquedos ou uma guloseima poderão ajudá-lo, quebrando desta forma ‘o gelo’.

Se já tiver outros animais deverá promover esse encontro mas de forma supervisionada. Não tanto pelo seu cãozinho, mas pelos outros animais mais antigos na casa que poderão ver este novo elemento como uma ameaça, e atacá-lo. Esse período de supervisão deverá ser feito pelo menos durante 5 a 7 dias, até que se certifique que não se verifica qualquer problema de adaptação.

Existem ainda outros factores que importa ter em linha de conta, e que é a segurança do ambiente que o rodeia. A primeira coisa que deverá verificar, é a forma como estão arrumados os cabos eléctricos que poderão facilmente ser roídos pelo novo residente. Também não deixe espalhados pela casa objectos de pequena dimensão que o seu animal possa engolir ou até sufocar. O mesmo serve para sacos de plástico. Se tem na dispensa ou em qualquer outra divisão da casa objectos de elevada dimensão encostados à parede, como por exemplo uma tábua de passar a ferro, vede o acesso do seu animal a esses espaços, visto que poderão cair em cima dele.

Share:

Leave a reply